quinta-feira, 17 de outubro de 2013

O desembarque dos aliados - Normandia


Recebi a newsletter do Turismo da França, sobre as comemorações dos 70 anos do Desembarque dos aliados na Normandia e tomei um susto!!

Eu participei da festa dos 50 anos!! Meu Deus!!!!!!!!
Claro que fechei os olhos e lembrei do dia em que fiz parte da História...

... Era uma grande festa! Todas as noites, bailes a bordo de diversos navios vindos de vários países para as comemorações.

Durante um baile, a esposa do Adido Naval da Embaixada Brasileira, com a autorização do Comandante da Corveta do Brasil, Inhaúma, me convidou para fazer a travessia, ao longo do rio Sena, de Rouen (cidade onde Joana d´Arc foi queimada) até Le Havre (onde o rio desemboca no Oceano Atlântico), numa espécie de desfile de todos os navios aliados, em homenagem aos 50 anos do desembarque dos aliados e depois assistir à final Brasil x Itália a bordo.


Voltei à Paris (pois eu não tinha onde dormir) e coloquei o despertador para pegar o primeiro trem para Rouen* na manhã seguinte. Não tocou!!

Saí correndo e peguei outro trem (mais de uma hora depois). Em Rouen peguei um táxi e pedi para o motorista correr para o porto... Estávamos na rua paralela ao porto quando vi uma fumaça preta de um navio partindo.... Pedi que ele corresse mais ainda e comecei a chorar...Perder um passeio destes por tão pouco...

Os oficiais já haviam tirado a prancha, mas me viram correndo, como uma doida, e gritaram: "- Pula que dá...!"

Nem pensei... Simplesmente saltei para dentro do navio (!!!!)! Havia uma multidão ao lado do navio  (por causa da final da Copa - Brasil x Itália) e todos se mataram de rir da cena!

Como dá para ver, pelas ordem das bandeiras no cais, o navio do Brasil foi o oitavo a partir...


Eram 50 navios do mundo todo e, durante as 8 horas de travessia, ao longo de 120 km, havia uma multidão nas duas margens do rio acenando para nós. Emocionante!



Em um determinado momento, o comandante do navio pediu permissão, por rádio, para ultrapassar os outros navios, a fim de chegar a tempo de instalar a antena de TV, para a final Brasil x Itália.

A cada ultrapassagem, os navios davam tiros de canhão e o pessoal a bordo acenava e batia continência. Muito lindo!

Foi um dos passeios mais maravilhosos e marcantes de minha vida! 


Ao final do jogo, todos os navios apitaram, menos o da Itália, claro! E assim, o Brasil foi Tetra campeão! Pena que quatro anos depois eu estava no Stade de France, também na final, chorando!!

Voltei à Paris de carona com a esposa do Adido! Memorável!

Baile no navio do Chile com os comandantes dos navios russo, brasileiro e italiano.


Rouen



Rouen é uma cidade ao norte da França e está a 130 km de Paris. Capital da Normandia, famosa por ter sido o local onde Joanna D´Arc foi queimada, em 1431, além de Claude Monet ter retratado a catedral em uma série de seus quadros. Em estilo "normando" é uma visita de volta ao passado, visitando a história desde a invasão viking, guerra dos cem anos, ocupação nazista e a oportunidade de celebrar o desembarque dos aliados. Melhor lugar para crepes com sidra. Romântica, bucólica e parecendo um cenário é uma visita fácil, com trens saindo de Paris quase que de hora em hora.  


Você gostou desse artigo?

Inscreva-se e receba notícias, dicas, promoções e muito mais!

Cynthia Camargo é publicitária, agente de viagens, agente internacional e jornalista. Coordena viagens de arte, gastronômicas, de luxo e de incentivo pelo o mundo! Especializada no destino França, é autora do guia Paris Legal, editado pela Best Seller. Trabalha com o turismo de conteúdo há 20 anos e recebeu o prêmio Mulher Influente. Autora do blog de viagens SendoCy, conta suas experiências pelo mundo com dicas e muito humor! Acesse, leia e participe, se inscreva e conte suas histórias! Afinal, todo mundo tem uma história de viagem para contar! Google +